Concurso Interno da AcervA – 2018.2

R$10,00

O Concurso Quadrimestral da Acerva Baiana, é um evento promovido pelos Associados da Acerva Baiana. O concurso tem por finalidade divulgar e valorizar a cultura cervejeira na Bahia.

Em estoque

Categoria

Descrição

  1. CONCURSO INTERNO DA ACERVA 2018.2
    1.1 O Concurso semestral da Acerva Baiana,  é um evento promovido pelos Associados da Acerva Baiana. A concurso tem por finalidade divulgar e valorizar a cultura cervejeira na Bahia.
    1.2 No caso de a cerveja ser elaborada por dois ou mais cervejeiros, deverá ser indicado o nome do cervejeiro que irá ficar como responsável pelo agrupamento, sendo que em caso de premiação será entregue apenas um único prêmio.
    1.3 Os cervejeiros que estiverem inscritos num grupo de cervejeiros poderão participar individualmente na mesma categoria.
    1.4 A desqualificação de um participante ou grupo não dá direito ao reembolso da taxa de inscrição.
  2. SOBRE A ORGANIZAÇÃO
    2.1 A organização do concurso ficará a cargo de uma Comissão Organizadora, composta por membros da associação e escolhida em comum acordo.
    2.2 Os integrantes da Comissão Organizadora, poderão inscrever-se como concorrente. Sobre categorias e estilos.
    2.3 O concurso tomará por base da classificação a definição de estilos do BJCP 2015, sendo os estilos livres.
  3. QUEM PODE PARTICIPAR
    3.1 Poderão participar no concurso apenas cervejeiros caseiros associados a Acerva Baiana, em adimplência com a associação.
    3.2 Por se tratar de um evento informal, será permitida a inscrição de cervejas por membros da organização do concurso e auxiliares do concurso.
    3.3 Todas as amostras enviadas devem, necessariamente, ter sido produzidas de maneira artesanal e caseira.
  4. ESTILOS DE CERVEJA
    4.1 Para fins de julgamento, será utilizado o Guia de Estilos de Cerveja do BJCP 2015 (Beer Judge Certification Program – 2015 Beer Style Guidelines), que está disponível, em inglês, no site do próprio BJCP.
    4.2 Serão aceitos todos os estilos do BJCP 2015.
  5. INSCRIÇÕES
    5.1 Cada inscrição diz respeito a uma cerveja inscrita por cervejeiro.
    5.2 As cervejas inscritas podem ter sido produzidas individualmente ou em grupo.
    5.3 No caso de cervejas produzidas individualmente, o próprio cervejeiro deve ser o responsável pela inscrição.
    5.4 No caso de cervejas produzidas em grupo, um dos cervejeiros do grupo fará a inscrição em seu nome.
    5.5 Cada cervejeiro só pode inscrever uma cerveja para cada estilo.
    5.6 Cada cervejeiro pode competir com cervejas produzidas individualmente e/ou em grupos diferentes, porém, como responsável pela inscrição.
    5.7 Cada cervejeiro individual ou grupo poderá concorrer com 2 estilos.
    5.8 O processo de inscrição deve ser efetuado através do Formulário de Inscrição, dentro da Página da ACERVA BAIANA.
    5.9 A taxa de inscrição é de R$10 (dez reais) por cada cerveja inscrita. As receitas resultantes das inscrições revertem integralmente para a aquisição dos troféus a atribuir aos cervejeiros premiados e para outras despesas relacionadas ao churrasco do dia da avaliação do concurso.
    5.10 A desqualificação de uma cerveja não dá direito a reembolso da taxa de inscrição.
    5.11 Indicação do sub-estilo nesta categoria é obrigatória, pelo que se solicita aos participantes que o façam a fim de que as suas cervejas possam ser melhor avaliadas. Em estilos híbridos ou especiais (por exemplo, Fruit Beer ou Smoked Beer) é também necessário indicar o estilo da cerveja base. É da total responsabilidade do cervejeiro a escolha do estilo no qual sua inscrição será avaliada.
    5.12 A Comissão Avaliadora não poderá, em caso algum, alterar o estilo em que a cerveja foi inscrita. Observação Importante: uma amostra muito bem produzida pode ser prejudicada pela simples escolha do estilo no qual esta será avaliada. Em nenhum momento solicitaremos a(s) receita(s) e os juízes não têm como saber qual era a intenção original do cervejeiro quando da produção da amostra. Portanto, é importante recordar que cada cerveja será avaliada conforme o estilo indicado no ato da inscrição.
  6. AS DATAS DO CONCURSO SEGUEM ABAIXO:
    1° Concurso: 14/10/2017
    2°Concurso: 24/02/2018
    3°Concurso: 25/08/2018
  7. TIPOS DE GARRAFAS E TAMPAS ACEITAS
    7.1 Serão aceitas garrafas de vidro de cor âmbar, específicas para cerveja, nos volumes de 300ml (caçulinha), 310ml (caçulinha), 330ml (padrão belga), 355ml (long neck), 500ml (padrão alemão ou inglês) e 600ml (caçula ou padrão comercial, com ou sem o relevo com a inscrição “Cerveja” ou “AmBev”).
    7.2 Todas as garrafas devem estar limpas e sem cola, tinta, inscrições (de cervejarias) gravadas ou outros rótulos que não sejam os rótulos requisitados por esta competição.
    7.3 Serão aceitas quaisquer tampas metálicas vendidas comercialmente, tipo coroa pry-off e twist crown, de qualquer coloração, lisas ou com as inscrições originais “Cerveja Artesanal”, “Cerveja Especial” ou o desenho “Fórmula da Cerveja”, desde que não identifique o cervejeiro inscrito.
    7.4 Garrafas estilo swing-top (Grolsch) não serão permitidas.
    7.5 As garrafas devem estar devidamente cheias, de acordo com o volume especificado pelo modelo da garrafa.
    7.6 As garrafas devem, obrigatoriamente, ser enviadas com a identificação correspondente conforme documento de identificação padrão do BJCP disponível no anexo 1 deste documento. A identificação deve ser impressa e estar presa à garrafa apenas por um elástico. O rótulo não pode ser colado com cola, fita adesiva ou similar.
    7.7 Amostras acondicionadas em garrafas e/ou com tampinhas que não respeitem os requisitos definidos neste regulamento serão automaticamente desqualificadas do concurso.
    7.8 As garrafas deverão ser entregues IMPRETERIVELMENTE no dia da avaliação e com temperatura adequada.
    7.9 Após verificação do bom preenchimento da ficha de inscrição e cumprimento do estipulado no presente regulamento será atribuído às cervejas aceites no concurso um número de identificação aleatório de três algarismos (fase de codificação)
    7.10 As garrafas que sobrarem deverão, uma unidade de cada estilo será destinada a premiação e o restante será degustada no churrasco.
  8. QUANTIDADE DE GARRAFAS
    8.1 As amostras que participarão do concurso deverão estar acondicionadas em garrafas de cor ambar, respeitando as seguintes quantidades e modelos: em número de 06 (seis) por cerveja inscrita, caso as garrafas sejam do estilo “long-neck” (300 ml, 330 ml ou 350 ml) ou em número de 04 (quatro), caso sejam de 500 ml ou maior capacidade.
  9. SOBRE O CORPO DOS JURADOS
    9.1 O corpo de jurados será anunciado pela Comissão Organizadora com pelo menos uma semana de antecedência à data da realização do evento, poderão participar juízes do BJCP bem como pessoas com conhecimento para avaliação.
  10. AVALIAÇÃO
    10.1 As cervejas serão avaliadas segundo os seguintes aspectos e pontuações:
    (I) Aroma (12 pontos): malte, lúpulo, ésteres e outros aromáticos.
    (II) Aparência (3 pontos): cor, limpidez e colarinho (retenção, cor e textura).
    (III) Sabor (20 pontos): malte, lúpulo, características da fermentação, equilíbrio, final/retrogosto e outras características de sabor.
    (IV) Sensação na Boca (5 pontos): corpo, carbonatação, calor (álcool), cremosidade, adstringência e outras sensações palatais.
    (V) Impressão Geral (10 pontos): prazer geral ao degustar a amostra.
    10.2 Todos os critérios serão avaliados se apropriados ou não para o estilo. A pontuação máxima, obtida através do somatório das pontuações para cada critério, é de 50 (cinquenta) pontos.
    10.3 Cada juiz deverá fundamentar por escrito a pontuação dada para cada critério de avaliação.
    10.4 Cada juiz deverá identificar possíveis causas de problemas e dar sugestões de melhorias, quando aplicável.
    10.5 Uma pontuação final feita em consenso entre os juízes que avaliaram a amostra terá valor máximo de 50 (cinquenta).
    10.6 A pontuação mínima para qualquer critério ou somatório final é 0 (zero).
    10.7 Como guia de pontuação, há uma divisão em seis níveis, com o intuito de ajudar os jurados a classificar inicialmente a cerveja em termos qualitativos, para em seguida decidir os pontos específicos a serem dados de acordo com o nível. Os níveis variam de “problemática” a “extraordinária”, com as seguintes características:
    (I) Extraordinária (45-50): Um exemplo mundial do estilo. Uma cerveja com grande personalidade e sem defeitos. A diferença entre uma cerveja excelente e uma extraordinária pode estar em detalhes subtis.
    (II) Excelente (38-44): Cervejas neste nível exemplificam bem o estilo, requerendo muito pequenos acertos.
    (III) Muito boa (30-37): Cervejas neste nível estão, em geral, dentro dos parâmetros do estilo, apresentando apenas pequenas lacunas./
    (IV) Boa (21-29): Cervejas com esta gama de pontuação falharam o estilo e/ou apresentam lacunas.
    (V) Regular (14-20): Cervejas neste nível apresentam defeitos no sabor/aroma ou grandes deficiências para o estilo. Normalmente são desagradáveis.
    (VI) Problemática (0-13): Uma cerveja em que defeitos no aroma e sabor são dominantes. Normalmente são difíceis de beber
  11. SOBRE O RESULTADO
    11.1 Consoante a nota final, serão premiadas as 3 primeiras cervejas melhores em estilo livre.
    11.2 O corpo de jurados é livre e soberano na sua avaliação, não cabendo contestação ou recurso de qualquer natureza subjectiva por parte dos concorrentes.
    11.3 No momento do resultado os Juizes a depender de suas disponibilidade poderão realizar uma avaliação em grupo com cerveja escolhidas previamente.
  12. SOBRE A PREMIAÇÃO
    12.1 Os vencedores receberão da Comissão Organizadora troféus do primeiro ao terceiro colocado, as cervejas totais de cada estilo sendo retirada uma unidade serão distribuídas da seguinte forma:
    1º Colocado: 50% das cervejas.
    2º Colocado: 30% das cervejas.
    3º Colocado: 20 % das cervejas.

 

ATENCIOSAMENTE,
COMISSÃO ORGANIZADORA.


ANEXO 1 – FORMULÁRIO DE IDENTIFICAÇÃO DE GARRAFA/AMOSTRA